Paróquia NSC Aparecida e São Cristóvão

Missa de posse do novo administrador Paroquial, Padre Alessandro dos Santos Alves

No dia 04 de fevereiro de 2024, 5° Domingo do Tempo Comum, às 09h, na igreja matriz da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, ocorreu a missa de posse do novo administrador paroquial da referida paróquia, padre Alessandro dos Santos Alves. A celebração eucarística foi presidida pelo Bispo da Diocese de Caetité-BA, Dom José Roberto Silva Carvalho, contando com a participação dos padres João Silva de Sá Teles, Marcus Vinícius Silva Carvalho e Ronielson Souza Silva. Contou-se ainda com a presença de dois seminaristas: Élber Lobo e Inácio Machado, além de cristãos leigos e leigas das Paróquias de Brumado-BA, Jequié-BA e Urandi-BA. 

De início, houve a procissão de entrada e a saudação inicial feita pelo bispo Dom José Roberto. Na sequência, fez-se a leitura do histórico da caminhada pastoral da comunidade paroquial desde o seu início como “igreja São Cristóvão” à elevação de categoria de matriz. Em seguida, o padre Marcus Vinícius, ex-administrador paroquial da citada paróquia e atual administrador da Paróquia Bom Jesus (Brumado-BA) e vigário do Vicariato Nossa Senhora Rainha da Paz, leu o decreto presbiteral de nomeação do padre Alessandro dos Santos Alves como administrador da paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão. Logo após, a celebração seguiu conforme o roteiro litúrgico, com as seguintes proclamações: Primeira Leitura (Jó 7,1-4.6-7), Responsório Sl 146(147),1-2.3-4.5-6 (R. cf. 3a), Segunda Leitura (1Cor 9,16-19.22-23); no momento do Anúncio do Evangelho, o padre Alessandro recebeu do bispo diocesano o livro dos Santos Evangelhos e proclamou a seguinte palavra: (Mc 1,29-39).

Na homilia, o bispo de Caetité citou um breve resumo da caminhada sacerdotal do padre a ser nomeado e comentou a respeito das demais transferências da Diocese. Ainda na ocasião, refletiu acerca das palavras proclamadas; e ressaltou a necessidade de união e de uma relação acolhedora que o sacerdote deve assumir à frente de uma paróquia, para com os fiéis e principalmente àqueles mais necessitados. Com o dever de cuidá-los e cuidar de si próprio, para que, estando na função de pastor, possa guiá-los para o caminho da salvação.  

Posteriormente, o padre Alessandro fez a profissão pública de fé católica e o juramento de fidelidade perante a assembleia e em comunhão ao bispo Dom José Roberto, prometendo-o conduzir a paróquia que lhe foi entregue de acordo com a fé professada pela Igreja Católica Apostólica Romana. Depois de ser interrogado publicamente, o padre sentou-se na cadeira presidencial e recebeu o documento de nomeação, tornando-se assim, o novo administrador paroquial da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão. Neste momento, todos os presentes o aplaudiram, como forma de acolhida ao recém-nomeado.   

Seguidamente, o padre Ronielson, administrador paroquial da Paróquia São Pedro (Aracatu-BA), fez a leitura da ata de posse do padre Alessandro e todos os padres do presbitério assinaram o documento, enquanto ouvia-se o cântico do hino em louvor à padroeira da paróquia. Após isso, deu-se continuidade à celebração. Encerrando-se a citada cerimônia, uma representante da Paróquia acolheu o novo administrador paroquial com a leitura de uma mensagem em nome de todos os paroquianos, desejando-lhe as boas-vindas e felicidades em sua nova caminhada sacerdotal. Ainda na ocasião, houve os agradecimentos aos sacerdotes e seminaristas presentes e a entrega das lembranças ao padre recém-empossado e ao bispo diocesano, pelo seu 7° aniversário de Ordenação Episcopal. Em seguida, o novo administrador paroquial agradeceu à assembleia pela acolhida. Por fim, o bispo diocesano fez os agradecimentos, comunicados e bênção final.  

Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, realiza novenário e festa em honra a sua Padroeira

Entre os dias 03 e 11 de outubro de 2023, às 19h30, aconteceu na igreja matriz da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, da Diocese de Caetité, de Brumado-BA, o novenário em preparação à festa de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, padroeira do Brasil e da Paróquia. No dia 12/10, houve a grande festa em honra à padroeira. Durante esses dias foi refletida a temática central “Reverentes à Senhora da Conceição Aparecida, enalteçamos as Vocações que Deus nos concedeu”, junto ao subtema referente à cada noite.
No dia 03/10, às 19h30, houve a abertura com a celebração eucarística. Com o subtema “Vocação Missionária: o anúncio do Reino não tem fronteiras”, a celebração foi presidida pelo padre Sandro Alves de Teixeira Lima, pároco em Palmas de Monte Alto-BA, e concelebrada pelo Administrador Paroquial desta paróquia, padre Marcus Vinícius Silva Carvalho. Contou-se ainda com a presença de dois seminaristas do período propedêutico do Seminário São José, da Diocese local, fiéis devotos da Santa e festeiros da noite. A celebração seguiu conforme ao roteiro litúrgico. Por fim, houve o hino em louvor à Maria e benção final.
Ao decorrer dos dias citados para a novena houve como dirigentes o padre Alessandro dos Santos Alves, de Urandi-BA, padre Cleonídio Alves da Silva, de Brumado-BA e padre Manoel Silva Queiroz de Ibitira-BA. Além deles, padre Marcus Vinicius Silva Carvalho (Brumado-BA), padre Ronielson Souza Silva (Brumado-BA) e padre Antônio dos Santos Meira (Tanque Novo-BA) presidiram. Padre Ícaro Vinicius Gonçalves Silva (Rio do Antônio-BA) e padre Eduardo Santos de Souza (Lagoa Real-BA) também estiveram presentes.
Após as celebrações eucarísticas, havia na praça Marcílio Dias, em frente à igreja matriz da paróquia, a queima de fogos e as apresentações musicais da chamada “noite cultural”, com músicas religiosas e sertanejas tocadas por cantores locais. E Também haviam as tradicionais barraquinhas com deliciosas guloseimas, artigos religiosos, blusa do festejo e os bilhetes para concorrer aos brindes do show de prêmios. A praça da igreja matriz seguiu ornamentada durante os dias e com um ambiente reservado a fotografias de devotos junto à imagem de Nossa Senhora ao fundo, a fim de propiciar registros do momento.
Em 12/10/2023, dia em que se recorda a solenidade de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, ocorreu a grande festa. Seguindo a programação: os festejos deram início às 06h, com a alvorada festiva e a oração do ofício; em seguida, café partilhado. A data festiva estendeu-se até às 12h, com a oração do ângelus em família. Na sequência, às 17h, houve a procissão com a imagem da santa em um belo andor enfeitado com flores sobre um veículo. O translado deslocou-se da praça da igreja matriz da Paróquia Bom Jesus à igreja matriz de Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão. O deslocamento contou com o apoio e o balizamento feito pela Superintendência Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), 24° Batalhão de Polícia Militar, de Brumado-BA, e Tiro de Guerra 06-024. A Sociedade Musical Lira Ceciliana Brumadense também esteve presente. Logo após, às 18h30, na praça da igreja matriz, aconteceu a celebração eucarística, presidida pelo Bispo da Diocese de Caetité, Dom José Roberto Silva Carvalho, e concelebrada pelo administrador paroquial Marcus Vinícius Silva Carvalho e pelo padre Cleonídio Alves da Silva.
Ao início, houve os ritos iniciais. Após isso, a celebração prosseguiu como de costume. Sendo proclamadas as seguintes leituras: Primeira Leitura (Est 5,1b-2;7,2b-3), Responsório: SI 44(45),11-12a.12b-13.14-15a.15b-16 (R. 11.12a), Segunda Leitura: (Ap 12,1.5.13a.15-16a) e o Anúncio do Evangelho: (Jo 2,1-11). Ao término das proclamações, o bispo acolheu a todos os presentes. Ao decorrer da homilia, refletiu-se acerca da vocação e beleza, contemplando a beleza interior da Virgem Maria por meio dos seus gestos de amor e misericórdia. Destacando ainda a importância da presença de Nossa Senhora desde o aparecimento no Rio Parnaíba aos pescadores. Mostrando-se sempre acolhedora e intercessora aos necessitados. Em conclusão, é preciso espelhar-se à Maria e confirmar a beleza desta para ser fiel ao que é celebrado e professado. Após, houve a liturgia eucarística e os ritos finais, com o agradecimento feito pelo Administrador Paroquial, hino em louvor à Maria e benção final.
A Solenidade também foi celebrada em forma de novenário na Comunidade Nossa Senhora Aparecida, da Vila Presidente Vargas, pertencente à Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão. Abordou-se o tema central dito anteriormente e ocorreu no período da novena realizada pela paróquia. No dia festivo, 12/10, seguiu o seguinte roteiro: às 06h, alvorada festiva; às 09h, procissão saindo da Rua Alvino Caetano, passando pela Avenida Saldino Lopes em direção à quadra da comunidade; logo após, às 10h, celebração eucarística presidida pelo Administrador Paroquial, padre Marcus Vinícius.

Comunidades São Francisco Xavier e Santa Dulce dos Pobres, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, celebram Santa Dulce dos Pobres

De 19 a 21 de agosto de 2023, às 19h30, na Comunidade Santa Dulce dos Pobres, localidade de Lagedão – Ceb rural, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão de Brumado-BA, Diocese de Caetité-BA, e entre os dias 21 e 23 de agosto de 2023, às 19h30 – na Comunidade São Francisco Xavier, pertencente à referida Paróquia, houve a realização do tríduo em louvor à Santa Dulce dos Pobres com o tema central “Irmanados à querida Santa Dulce dos Pobres, meditemos as vocações primordiais”. Durante esses dias foram abordados os seguintes subtemas: “Vocação a Vida”, “Vocação Cristã” e “Vocação Missionária”, respectivamente – contando com a presença de grupos, pastorais, devotos, movimentos e comunidades próximas às localidades celebrantes.

Em 22 de agosto de 2023 – data festiva, iniciou-se às 19h30, na Comunidade Santa Dulce dos Pobres, em Lagedão – com a celebração eucarística, presidida pelo administrador paroquial padre Marcus Vinícius Silva Carvalho – e com a presença das localidades vizinhas: Lagoa da Tapagem, Junco 1, Vereda de fora, demais comunidades e fiéis devotos de Santa Dulce. A memória litúrgica do dia foi de Nossa Senhora Rainha. A celebração seguiu como de costume, havendo a reflexão acerca da vida da Santa Dulce dos pobres.

Em 24 de agosto de 2023 – dia festivo, às 06h, na Comunidade São Francisco Xavier, houve a realização da alvorada festiva, com a queima de fogos. À tarde, às 12h, aconteceu a Oração do Ângelus em família. À noite, às 19h10, a procissão com o andor da imagem de Santa Dulce dos Pobres saindo da igreja em direção às ruas e imediações do bairro. Após o translado, retorna-se para a igreja para o início da celebração eucarística, por volta das 20h, com a direção do padre Marcus Vinícius e com a presença do Apostolado da Oração, ministros extraordinários da comunhão eucarística, coroinhas, equipe de cânticos e leitores.

A memória litúrgica do dia foi de São Bartolomeu, Apóstolo, e as leituras proclamadas foram: Primeira Leitura (Ap 21,9b-14), Leitura do Apocalipse de São João, Salmo Responsorial SI 144(145), 10-11.12-13ab.17-18 (R. Cf. 12a) e o Evangelho (Jo 1,45-51). Na homilia, o padre Marcus Vinícius recordou a vida de São Bartolomeu e de Santa Dulce dos Pobres, destacando a imensurável caridade, simplicidade e coragem da Santa. Em seguida, ocorreu a profissão de fé e ladainha à Santa Dulce. A celebração prosseguiu como previsto no roteiro litúrgico e, ao final, uma representante da comunidade celebrante fez os agradecimentos pelos festejos, destacando ainda, a destinação de todo valor arrecadado durante os quatro dias para as Obras Sociais Irmã Dulce. Por fim, houve uma encenação realizada pelas catequistas e catequizandos da comunidade em homenagem à Santa celebrada. Depois ocorreu o hino à Santa Dulce e a benção final.

SANTA DULCE DOS POBRES: SERVA FIEL AO SENHOR

Maria Rita de Souza Brito Lopes Pontes – nome batismal de irmã Dulce, recebeu este nome “Dulce” ao ingressar-se à Congregação das Irmãs missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus e em memória à mãe da freira, “Dulce Maria de Souza”. Nasceu na capital baiana, Salvador – no dia 26 de março de 1914, ficando conhecida como o “anjo bom da Bahia”. Dulce mostrou-se sempre acolhedora para com as pessoas necessitadas através de suas obras de caridade e com o seu lema “amar e servir”. Sendo candidata à disputa ao Prêmio Nobel da Paz e eleita como “religiosa do século XX”. Canonizada em 13 de outubro de 2019 pelo Papa Francisco, a primeira santa nascida no Brasil é celebrada em 13 de agosto – dia este, decretado, na Bahia, como o dia Estadual em memória à Bem-aventurada Dulce dos Pobres. Santa Dulce dos Pobres, rogai por nós.

Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, festeja São Tarcísio

De 11 a 13 de agosto de 2023, às 19h30, na igreja matriz da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, houve a realização do tríduo em louvor a São Tarcísio, padroeiro dos coroinhas, acólitos e cerimoniários. Segundo a historiografia cristã católica, o santo tinha doze anos quando servia o altar do Senhor, tempo do Papa Xisto II. Em uma missão, Tarcísio foi perseguido pelo imperador Valeriano, de Roma, e sacrificado por tentar entregar a comunhão aos cristãos em situação de prisão. O mártir Tarcísio foi exemplo de zelo por Jesus eucarístico e de acordo a Liturgia, sua memória é em 15 de agosto.

Durante esses dias citados para o tríduo, foi refletido o tema central “Em companhia a São Tarcísio, Vocacionados pelo Cristo somos operantes!” e os subtemas: “Permanecer com Jesus: segredo da vocação”, “Vocação: graça que une chamado e resposta” e “Graça e Missão que flui do Povo que Reza”. No dia festivo, 14/08/2023, às 18h30 houve procissão: Translado da Nova Imagem Sacra de São Tarcísio e às 19h30, a celebração Eucarística, presidida pelo administrador paroquial padre Marcus Vinícius Silva Carvalho, na Igreja Matriz da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, e com a presença e dois seminaristas do período propedêutico do Seminário São José, da Diocese de Caetité-BA, e de fiéis das duas Paróquias de Brumado-BA.

A celebração seguiu de acordo ao roteiro litúrgico e após a homilia, o padre Marcus Vinícius recordou o santo do dia, Maximiliano Maria Kolbe, e também lembrou a vida de São Tarcísio, cujo dia oficial é o posterior. Ao encerrar, recordou do respeito que devemos ter ao habitar a casa do Senhor e que Jesus é o nosso maior socorro e nossa alegria e Maria, nossa constante inintercessora.

Ao término, em clima de alegria, toda a comunidade católica reunida recebeu a benção final concedida pelo padre Marcus Vinícius. Ele, junto à assembleia, através das palmas, demonstrou o contentamento pelo serviço de todos (as) na realização do tríduo e festa em louvor ao mártir São Tarcísio e que a exemplo dele estejamos dispostos, em todo o tempo, para servir a Cristo.

 

 

Ceb rural, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão de Brumado-BA, celebra festa do Bom Jesus

Entre os dias 28 de julho a 06 de agosto de 2023 aconteceu o novenário e festa do Bom Jesus,  na localidade de Samambaia, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão em Brumado-BA.

Com o tema central: “Em honoríficos louvores ao Senhor Bom Jesus meditemos as temáticas das vocações”, grupos, pastorais e movimentos da própria comunidade e das comunidades vizinhas refletiram o tema proposto para cada noite. Foram momentos muito fortes de oração, participação e animação dos fiéis. Também foi gratificante para a comunidade Bom Jesus esses momentos de fé, reflexão e muita devoção ao Senhor Bom Jesus.

No dia 06 de agosto,  dia festivo, iniciou-se às 5h30 com Alvorada festiva, repique de sino; às 9h30,  procissão com o Bom Jesus, em seguida, missa Solene presidida pelo Pe. Marcus Vinícius Silva Carvalho.

Celebrar o Bom Jesus é recordar o plano de Deus para a humanidade, pois Ele encaminhou seu filho para a nossa salvação. Recordar essa passagem é ter cada vez mais certeza do amor de Deus para com todos.

Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, celebra o Sagrado Coração de Jesus

De 01 a 03 de agosto de 2023, às 19h30, aconteceu na igreja matriz da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, o tríduo em preparação à festa do Sagrado Coração de Jesus. Durante esses dias, foi refletido o tema “Festejando o Sacratíssimo Coração de Jesus, nos atentamos às vocações”. No dia 04, houve a procissão saindo CEEP (Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão e Meio Ambiente), às 18h, em direção à igreja matriz da Paróquia, em que ocorreu a celebração eucarística presidida pelo administrador paroquial, padre Marcus Vinícius Silva Carvalho e contou com a presença de dois seminaristas do período propedêutico do Seminário São José, em Brumado-BA, e diversos leigos e leigas.

A memória litúrgica do dia foi de São João Maria Vianney e as leituras proclamadas formam: Primeira Leitura (Lv 23,1.4-11.15-16.27.34b-37), Responsório Sl 80 (81), 3-4.5-6ab.10-11ab (R. 2a) e o Evangelho (Mt 13, 54-58). Após a última proclamação, na homilia, o padre Marcus Vinícius recordou as festividades da cultura judaica, enquanto uma aliança com o Senhor. Também lembrou da festa do Coração de Jesus, enquanto momento de gratidão a Deus por tudo que ele nos direciona e, por fim, mencionou as doze promessas do Sagrado Coração de Jesus e a importância dessa devoção. Depois ocorreu a profissão de fé, ladainha ao Sagrado Coração de Jesus e o acolhimento a nova eleita para as fileiras do Apostolado da Oração.

A celebração seguiu como de costume e, ao término, uma representante do Apostolado da Oração fez a leitura do agradecimento pelo tríduo e missa solene. A devoção ao Sagrado Coração revela o amor como princípio e fim de tudo e isso é perceptível na doação de Deus por seus filhos e filhas, ao oferecer seu filho Jesus ao nosso favor. Em clima de gratidão a Deus, o administrador paroquial, padre Marcus Vinícius, também agradeceu a todos por colaborarem para o tríduo e festa. Na sequência, os fiéis receberam a benção final e mencionaram os vivas a Jesus, ao movimento Apostolado da Oração e aos demais grupos presentes.

 

 

Ceb’s rurais, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, celebram seu padroeiro São João Batista

Com o tema central “Irmanados e em louvores ao querido São João Batista, meditamos as vocações primordiais “, algumas comunidades rurais da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, que têm São João Batista como padroeiro, realizaram tríduo e novenário em louvor ao santo. Durante os dias de celebração, os fiéis das localidades: Lagoa de São João e Boi Morto reuniram-se em suas capelas para  refletir sobre as vocações com base na vida e história de São João Batista.

Os roteiros para as celebrações foram encaminhados pelo padre Marcus Vinícius Silva Carvalho, administrador paroquial. Foi uma experiência bastante proveitosa por todas as comunidades e por aquelas que as visitaram para o momento de oração.

O encerramento do festejo aconteceu dia 24 de junho na localidade Lagoa de São João e dia 25 na localidade Boi Morto, com a santa missa celebrada pelo Pe. Marcus Vinícius. Todos os fiéis, ao término, ficaram gratos a Deus por permitir mais um ano de celebração do padroeiro. Gratidão é a palavra chave para esse momento em que muitos irmãos e irmãs ouviram o chamado de Cristo.

Ceb’s rurais, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão de Brumado-BA, celebram seu padroeiro Santo Antônio

Com o tema central “Em devoção profícua a Santo Antônio, agradecemos ao Senhor Jesus pelo despertar das Vocações”, as quatro comunidades da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, de Brumado-BA, que tem como seu Padroeiro Santo Antônio, celebraram o tríduo e festa em honra ao seu padroeiro. Durante o tríduo,  grupos, pastorais e movimentos das localidades: Ubiraçaba, Queimada Grande, Floresta e Tanque de Pedras,  reuniram-se em suas capelas para  refletir sobre a vida e história de  Santo Antônio. 

O festejo do padroeiro Santo Antônio é uma tradição cultural que vem se fortalecendo de geração a geração. Santo Antônio é um santo popular de grande tradição, que atrai muitos devotos pelo seu testemunho de fé e amor a Deus. São milhares os relatos de milagres, como a pregação aos peixes, e graças alcançadas rogando seu nome. Padroeiro de Pádua e de Lisboa, ele é venerado por ajudar, de acordo a sua história, a arranjar casamentos e encontrar coisas perdidas. Na arte ele é representado como um jovem Cândido, com o hábito franciscano, segurando um lírio e carregando o menino Jesus. Antônio era um homem forte e destemido, implacável contra os opressores dos fracos e contra o clero que não vivia de acordo com as regras. Grande parte dos sermões de Santo Antônio foi preservada, o que, associado à sua reputação de grande douto assuntos bíblicos, fez com que a Igreja católica o incluísse entre seus doutores.

Após dias de reflexão, enriquecimento da fé, partilha nas referidas comunidades, houve o encerramento dos festejos, com procissão,  queima de fogos e Missa Solene, celebrada pelo Padre Marcus Vinicius, Administrador Paroquial da referida Paróquia; no dia 13, na localidade Floresta; dia 14, Tanque de Pedras; dia 15, Queimada Grande e dia 16 em Ubiraçaba. 

Contatos
Siga-nos

Copyright © 2024 Paróquia NSC Aparecida e São Cristóvão - Desenvolvido por Diego Fagner